Bullet Journal ou Planner: Como uso o espaço quadriculado do Wish Planner em 9 dicas

Você também fica na dúvida entre usar Bullet Journal ou Planner? Geralmente, quem busca o planner quer a praticidade de ter a mão um sistema já orientado para o planejamento e organização. Já no Bullet Journal, a ideia é a liberdade de criar no espaço em branco seus próprios layouts e coleções, desafiando a criatividade.

No layout do planejamento semanal do Wish Planner Trimestral que estamos usando nesse ano de 2018 tem a parte inferior quadriculada que chamamos de “Espaço Criativo”. Escolhemos deixar essa área livre para que o seu planejamento possa ter mais liberdade para personalização de nichos mais específicos de acordo com o seu perfil ou mesmo a demanda da semana.

São inúmeras as possibilidades de uso. E sabemos que quanto mais opção, as vezes nossa mente dá um branco, né. Por isso vou compartilhar aqui com vocês algumas formas que preencho esse campo quadriculado no meu planejamento semanal. E como ele fica livre, a cada semana posso usá-lo de forma diferente.

1. Habit Track

Usar o Wish Planner de Hábitos foi essencial para eu conseguir criar o hábito da leitura frequente mesmo em meio aos períodos mais atarefados. E agora que esse hábito de instalou, eu só o acompanho por um Habit Tracker simples que faço na página de planejamento semanal, pois é a parte do planner que olho todos os dias.

2. Lista de contexto

Se tem uma coisa que me ajuda muito na organização e produtividade, e que aprendi com o método GTD, é dividir as tarefas a serem realizadas ao longo do semana (diferente dos compromissos, essas tarefas não possuem data fixa) em listas por contexto.  É muito improdutivo ficar revisando ou lembrando daquele monte de tarefas que não podem ser realizadas naquele momento onde nos encontramos. Com as tarefas já organizadas em categorias de contexto, em uma passada de olho, eu já sei exatamente o que posso adiantar quando estou em cada situação específica.

3. Lembrar

Simples, clássico e eficaz. Ideal para tarefas delegadas e que você precisa lembrar de acompanhar ou receber no prazo.

4. Próxima semana

Essa parte pode ser algo bem prático como demandas que ficaram para a próxima semana, ou mesmo reflexivo com o que pode ser melhorado.

5. Lista de compras

Eu sou do time que faz listas para tudo. Desde sempre. Tiro tudo da cabeça e organizo por meio delas. Aqui nesse post tem uma lista (risos) de sete razões pelas quais fazer listas pode mudar a sua vida.

6. Mapa mental 

Mapas mentais também é uma forma muito eficaz de organizar os pensamentos no papel de forma a ordenar um contexto. Por isso é perfeito para idéias, projetos e resumos. Nesse post ensinamos como fazer mapas mentais para qualquer situação.

7. Extensão do dia

O ideal é conseguirmos equilibrar nosso tempo nos compromissos e tarefas que são importantes, para não ter aquele sentimento de dias muito ocupados, mas nada produtivos. No entanto, nem sempre é possível manter uma programação enxuta voltada para o essencial. Para esses dias, ao menos no planner, é possível aumentar o seu dia para caber mais anotações sobre o dia.

8. Menu

Para quem gosta de planejar o menu da semana, essa é uma forma ideal para mantê-lo sempre a mão integrado a sua programação semanal, mas sem misturar às tarefas e compromissos.

9. Água

As vezes esquecemos de beber água ao longo do dia, principalmente quando nosso trabalho é realizado sentado no escritório. Manter o organismo hidratado é fundamental para a saúde, para a produtividade e o raciocínio. Que tal ir marcando os copos de água que você consome ao longo do dia? É uma boa forma visual para estimular e acompanhar esse hábito. Embaixo de cada dia tem 6 quadradinhos certinho, o que equivale a 3 litros diários usando um copo de 500 ml.

 

Espero que tenha gostado. E como você usa o seu Espaço Criativo? Compartilha com a gente nas redes sociais marcando #WishPlanner 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *