Cachorros no escritório aumentam produtividade em empresas nos EUA

Muitas empresas de tecnologia da Califórnia estão encorajando seus empregados a levarem seus cachorros para o escritório, afirmando que a presença deles pode aumentar a produtividade, aliviar o estresse e melhorar o ambiente de trabalho.

Na região litorânea de Los Angeles, uma região que engloba partes de Santa Monica e Venice Beach é a chamada “Praia do Silício”. Lá, a maioria das empresas é “dog-friendly”.

Na Gumgum, uma empresa de Santa Monica especializada em inteligência artificial, por exemplo, cachorros são bem vindos por causa do “efeito calmante” que têm nos empregados, diz o executivo-chefe, Ophir Tanz. Indy, o cão de Tanz, geralmente vai receber os empregados quando eles chegam no serviço. “Este podia ser um lugar de muito estresse”, diz Tanz. “Ele dá um alívio.”

A funcionária Merrill Bajana, da GumGum, com seu cão Roger (Foto: Lucy Nicholson/Reuters)

A GumGum é aberta para cachorros, mas pode ser aberta para gatos e outros animais no futuro, diz Tanz. Ele afirma que a política “dog-friendly” pode dar trabalho. Por exemplo, ela precisa ser negociada com o proprietário do imóvel onde fica a firma. Mas ele acha que essa prática vai se tornar cada vez mais popular.

E você, tem a sorte de poder trabalhar na companhia do seu animal? Ou esse é ainda um objetivo seu? Conta pra gente nos comentários e compartilha o post! 🙂

Fonte: G1 e Reuters

Posts Relacionados

Gostou desse post? Assine a nossa newsletter e não perca nossas novidades
Seja notificado quando um novo post sair, além das nossas promoções especiais.

2 thoughts on “Cachorros no escritório aumentam produtividade em empresas nos EUA

  1. Nicole says:

    Sim, nós temos um mascote e temos essa sorte de ter ele pertinho!
    Um cachorro trás no intervalo um relaxamento mesmo, é a hora do carinho e até a hora de se dividir quem vai passear, fazendo que levante um pouco e respire um ar puro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *