Como fazer um planejamento mensal mais produtivo em 5 passos

Sempre falamos aqui no blog a importância do planejamento de vida e organização da rotina para melhorar a produtividade e conquistas seus objetivos. Para isso você pode encontrar diversas ferramentas nos modelos da Wish Planner. O tradicional possui calendários mensais e as visões semanais, ideais para quem prefere fazer um planejamento mais detalhado dos seus dias da semana. Mas há quem prefira ter em mãos um planejamento mais objetivo, focado nos compromissos pontuais. Para isso, a melhor opção é o planner mensal. Listamos então uma passo a passo para você fazer o seu planejamento mensal com foco no que é importante.

É importante notar que esse roteiro para organizar o seu plano mensal já está levando em consideração que você tem o seu planejamento de metas e prioridades. Você pode ver como fazer o seu aqui.

 

Como fazer um planejamento mensal

1. Revise suas metas e projetos

Verifique quais ações necessárias para a realização da sua meta e dos seus projetos estão marcadas para o mês vigente e anote-as nos respectivos dias da visão mensal.

2. Olhe o calendário anual

Marque no seu plano mensal as datas e eventos importantes como feriados e aniversários.

3. Defina o foco do mês

É importante também você saber qual a sua prioridade nesse mês atual. Assim você poderá orientar as futuras demandas, agendar as ações para realizá-lo e ver se o seu tempo está dedicado na proporção necessária ao seu foco mensal.

4. Anote os compromissos

Aqui é o grande diferencial do plano mensal para o semanal. No plano mensal não costumam entrar tarefas, apenas os compromissos. A diferença é que compromissos são eventos com datas marcadas para serem realizados, e tarefas são ações que precisam ser feitas quando possível, sem data específica. No método de produtividade GTD do David Allen, (autor do livro A arte de fazer acontecer, que ensina os fundamentos e aplicação do método completo), ele indica colocar os compromissos na agenda (planner, calendário), e as tarefas em listas ( você pode ver aqui como criar listas produtivas, inclusive as do método GTD)

Novo
R$35,00
R$30,00

A dica é organizar o calendário do seu plano mensal de forma que só sejam anotados os compromissos pontuais. A reunião da empresa, as consultas médicas, os eventos do setor, uma viagem. Todos esses compromissos já existem e não podem ser esquecidos. Já o lembrete para planejar as próximas férias, itens que precisam ser devolvidos e aquele projeto no qual você precisa começar a pensar fazem parte de uma lista de tarefas.

5. Marque os prazos

Prazos podem virar um grande problema se esquecidos. Marcá-los ajuda muito a visualizar o deadline.

 

Agora você tem uma visão geral dos compromissos do seu mês e as lacunas de tempo livre. Assim você consegue se antecipar a eventos que precisam de preparação e gerenciar suas prioridades com muito mais produtividade.

 

Existem diversas maneiras de você utilizar o seu planner mensal, como para o planejamento mensal de projetos específicos: menu mensal, organização da casa, plano de estudos mensal, campanha de marketing, etc.

Este é o primeiro grande passo para uma vida mais organizada e realizada: registrar tudo que precisa ser feito. Ter a rotina estabelecida por hábitos que funcionam. Então, use e abuse das ferramentas. O mais importante é criar o hábito. Organizar-se melhor ajuda a manter a vida muito mais tranquila e a mente livre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *